14.2 C
Alcanede
Domingo ,19 Maio, 2024
Sociedade

Movelpartes deslocaliza produção da fábrica de Alcanede despedimento coletivo engloba 51 trabalhadores

A Movelpartes, antiga Plamac, empresa do Grupo Sonae que comercializa componentes para a indústria do mobiliário vai deslocalizar, no próximo dia 1 de agosto, a produção da unidade de Alcanede para a empresa sedeada em Vilela no concelho de Paredes. A comunicação de intenção de despedimento coletivo dos 51 trabalhadores chegou por carta no final do mês de maio.

Na missiva entregue aos funcionários, a administração justifica o encerramento argumentando, “a redução das vendas, a deterioração dos resultados operacionais da Movelpartes em geral, mas em particular dos resultados operacionais da unidade de Alcanede, a situação dos mercados e a ausência de perspetivas de melhorias”.

No horizonte das atuais atividades desenvolvidas na unidade de Vilela e os postos de trabalho já existentes, a administração da Movelpartes estima que o volume total das necessidades laborais com esta restruturação possa abranger apenas 15 trabalhadores na área de produção de Paredes.

O Portal de Alcanede apurou que a proposta de deslocalização definitiva dos operários para a unidade de Vilela que fica a 257 km de Alcanede, foi mal recebida, desconhecendo-se a existência de trabalhadores dispostos a aceitar a mudança do local de trabalho.

Artigos Relacionados

Igreja Matriz de Alcanede assaltada durante a noite

Paulo Coelho

Lista de António Baptista é a única candidata à direção da A. H. dos Bombeiros Voluntários de Alcanede

Paulo Coelho

S. pedro – Valverde em Festa até dia 2 julho

Carlos Coelho