21.4 C
Alcanede
Quarta-feira ,12 Junho, 2024
EntrevistasSociedade

Barbearia “Corte Clássico” comemora 5 anos de existência em Alcanede

Corte Clássico”, assim se chama a barbearia que a vila de Alcanede viu nascer em 2018, faz este dia 1 de junho, precisamente, 5 anos pelas mãos e arte de Bernardo Rodrigues. O jovem, hoje com 25 anos de idade, foi influenciado pela sua mãe e cedo descobriu que a aposta para vingar na profissão passava por se atualizar constantemente num ramo cada vez mais em evolução.

No dia do 5º aniversário de fundação em Alcanede, o Portal falou com o barbeiro que aplica a sua arte, literalmente, nos cabelos de clientes que vão dos mais pequenos até aos seniores maiores de 90 anos de idade.

Para Bernardo Rodrigues, natural do Malhou, mas com raízes maternas em Alcanede, o nascimento da “Corte Clássico” surgiu de forma natural, “estava a trabalhar noutra barbearia e ficava a dormir em casa da minha avó para ficar mais perto do trabalho, e reparei que em Alcanede não havia nenhuma barbearia, pelo que seria uma uma mais-valia para a terra”, daí até à concretização foi um passo.

Numa profissão cada vez mais exigente, Bernardo Rodrigues não abdica de se atualizar o mais possível, “logo no início fiz um curso profissional de barbeiro em Santarém e, depois disso, continuo a fazer formações com barbeiros experientes para tentar estar sempre dentro dos cortes atuais”, lembrando que as redes sociais são importantes para uma permanente atualização, “o que faço é estar atento ao que aparece nas redes sociais e, quando necessário, ir a formações específicas”, disse ao Portal de Alcanede.

Ao longo dos últimos 5 anos, o barbeiro tem conquistado clientes um pouco por todo lado e que ultrapassam as fronteiras da freguesia de Alcanede, “sim, é verdade, não tenho apenas clientes da freguesia. Acho que as razões se devem ao facto de preferirem vir à barbearia Corte Clássico pela confiança e pelo bom trabalho desenvolvido”, sendo de realçar a disponibilidade de um horário mais alargado, “para que consiga satisfazer as necessidades de todos ao máximo”, referiu Bernardo Rodrigues.

Dos 8 aos 80? Não só, os clientes desta barbearia de Alcanede “vão desde os mais pequenos, em que sou eu que lhes corto o cabelo pela primeira vez, até a clientes que já passaram a faixa dos 90 anos de idade”, destacou. No entanto, sem dúvida, “a faixa etária predominante situa-se entre os 16 e os 40 anos”, mas os mais exigentes são os mais novos, “para mim, e para a maioria dos barbeiros, os miúdos até aos 6 anos de idade são, claramente, os que mais exigem pela dificuldade inerente à sua idade”, disse.

Se a atualização profissional permanente é fundamental, não é menos verdade que a empatia entre barbeiro e cliente é muito importante, “sem dúvida, é das coisas mais importantes numa barbearia, e é das situações do meu trabalho à qual dou mais importância”, referiu Bernardo Rodrigues ao Portal de Alcanede.

Artigos Relacionados

O Mirante – Médico manda deitar dedo de ferido para o lixo

Carlos Coelho

Novo ataque ao Castelo de Alcanede destrói 10 projetores

Carlos Coelho

2ª Fase da ER 361 e beneficiação da EN 362 entre Alcanede e Santarém com luz ao fundo do túnel em 2017

Carlos Coelho