17 C
Alcanede
Quarta-feira ,14 Abril, 2021
Artigos de Opinião

Património linguístico

Um dialogo provável entre duas vizinhas, no lugar de Mata do Rei, há alguns anos.
«Ti Ana – É uma arrelia  ver aquele trafulha, anda à maçã do chão, não tem orelo, es trafunga tudo quanto ganha.
Ti Paula – Pois sim, o pai era um manca-mulas, ia à Nazaré comprar pexe aos praieiros, tinha orelo. A mãe olha-me de esguelha por causa do sapeiroso do filho, se adrego emprestar-lhe o dinheiro… ficava a pau de pirlas.

Ti Ana – E ele ralado, ia comprar frapela pro casamento, com aquele corpanzil, a que tem tá curta.

Ti Paula – Lá vem ela, tráz más águas, parece qu` home andou à cachapourra e ela ainda levou uma punhada»

Ti Ana – Eh raio,  não faz mel nem cera, mas p´ra quezílias tá por li.  Levo esta couve às bitas, já andam a intejar a erva seca, é um remedeio, não há branduras pra amaciar. O mê hôme impazinou uma por ela ter cmido umas folhas de couve, um rebotalho prós coelhos, é um arpalhão sem trambelhos.

Ti Paula – Vou andando, ajeitar alguma coisa pró jantar. Se calhar uma sopa de vaca-de-corda com feijão encarnado, boto-lhe um bocadinho de chouriço pra ter algum charume.

Ti Ana – O mê Manel entornou-me o azeite de fregir as batatas pro môr do gato, raisoparta, rato-cego! Bem, tá aqui uma provela e tenho andado mal-achada das goelas. Até logo.»

A língua também é património, mas o português, sendo uma língua viva vai evoluindo com as novas necessidades chegando a ser chocante a utilização de inúmeros estrangeirismos sem ser preciso, tantas vezes só para evidenciar o orador e esbater a sua pobreza de espírito. Penso, aliás, que a voracidade da tecnologia só enche de memória os discos dos computadores, alienando as nossas memórias patrimoniais, aquelas que falam da nossa caminhada até ao século XXI.

NOTA: No antigo site do Portal esta página foi lida 285 vezes

Artigos Relacionados

Construtores da paz e da justiça

Portal Alcanede

Doce Catequese – Lembranças da Dona Jesuína

Portal Alcanede

Remar Contra a Maré

Portal Alcanede