19 C
Alcanede
Domingo ,2 Outubro, 2022
Educação

Resíduos: Desperdício ou Oportunidade? Tema de Conferência dinamizada pelo AE D. Afonso Henriques

No âmbito do Projeto Vamos Cuidar do Planeta, promovido pela Associação Portuguesa de Educação Ambiental (ASPEA), o Agrupamento de Escolas D. Afonso Henriques e a Comissão Organizadora do projeto dinamizaram, no passado dia 7 de abril de 2022, via online, a Conferência Escolar sob o tema “Resíduos: Desperdício ou Oportunidade?”. A moderação esteve a cargo das turmas do 8ºC da EB D. Manuel I – Pernes e do 7ºA da EB de Alcanede, sob a orientação das professoras Ana Melo e Carla Almeida.

Além dos elementos pertencentes ao Agrupamento D. Afonso Henriques, a iniciativa contou com diversos convidados externos, entre os quais, as empresas RSJT e Gallo Vidro, os artistas plásticos Xico Gaivota e Bordalo II (que participou em deferido), a Divisão de Ambiente e Sustentabilidade da Câmara Municipal de Santarém e representantes de Juntas e União de Freguesias.

Numa nota informativa enviada ao Portal de Alcanede, os organizadores indicaram que a abertura da conferência se iniciou com a “apresentação do Projeto Vamos Cuidar do Planeta e os seus objetivos”, sendo selecionada “a problemática da região a abordar, mostrando evidências​ fotográficas da mesma”. Em seguida, “foi apresentado um questionário elaborado pelos alunos, bem como os resultados obtidos após a sua administração à comunidade escolar e envolvente, e as conclusões após análise das respostas obtidas”, citamos.

A segunda fase da conferência contou com a participação “das empresas RSJT e Gallo Vidro incentivando a comunidade a realizar a separação de resíduos, tendo em conta a poupança de recursos naturais e de energia conseguida através do uso de resíduos na produção de novos materiais”. Logo após, através de uma entrevista em deferido, “o artista Xico Gaivota mostrou como é possível fazer obras de arte a partir de resíduos”, sendo ainda evidenciada “a obra de arte do artista plástico Bordalo II na Cidade de Santarém contruída a partir de resíduos”, ficando demonstrada, também, que a “Divisão de Ambiente e Sustentabilidade da Câmara Municipal de Santarém e representantes de Juntas e União de Freguesias estão sensíveis também para esta problemática e disponíveis para colaborar na continuidade deste Projeto”, lê-se no documento enviado ao Portal de Alcanede.

No final da Conferência Escolar “Resíduos: Desperdício ou Oportunidade?”, as turmas participantes deixaram dois reptos no sentido de darem continuidade a este projeto, “o primeiro dirigiu-se à Empresa RSJT, em articulação com a Câmara Municipal de Santarém e com as Juntas de Freguesia, para que na próxima fase de implementação do Projeto “Recolha Porta a Porta”, o nosso Município seja beneficiado”. O segundo repto “foi lançado a toda a comunidade, propondo que enquanto o Projeto “Recolha Porta a Porta”, não é implementado no Município de Santarém, se realize uma Campanha de Recolha de Resíduos Sólidos Urbanos, durante o mês de maio, em articulação com o Agrupamento de Escolas D. Afonso Henriques e as diversas Juntas de Freguesia!”, citamos.

Os organizadores acreditam que, “todos juntos e com iniciativas como esta, promovemos a cultura democrática e consciência cívica nos jovens, alertando a sociedade para a preservação da nossa casa – O Planeta Terra!”.

Artigos Relacionados

Antiga Escola de Mata do Rei inaugurada como sede da Associação de pais de Alcanede, Abrã e Amiais de Cima

Carlos Coelho

Alcanede regressa ao passado com realização de Feira Medieval

Paulo Coelho

Centro Escolar de Alcanede recebe XII Feira do Livro até ao dia 8 de março

Paulo Coelho