19.3 C
Alcanede
Sábado ,20 Julho, 2024
ReligiãoSociedade

Paróquia e Comissão de Obras da Igreja Matriz de Alcanede fazem ponto de situação

O Pároco António Vicente e a Comissão de Obras da Igreja Matriz de Alcanede, na pessoa do engenheiro Paulo Virtudes, enviaram ao Portal de Alcanede esta quarta-feira, 2 de fevereiro, um ponto de situação relativo às obras que continuam a decorrer no emblemático monumento da vila Alcanedense.

No documento, são indicadas as diversas fases de trabalho que a Igreja tem sido alvo até agora, o que ainda falta fazer, e a previsão de quando o templo religioso poderá ser reaberto aos paroquianos.

O Portal de Alcanede publica, na íntegra, o texto.

“Caros paroquianos

Longos vão os meses desde o encerramento da nossa Igreja Matriz.

Como acontece com qualquer processo de obras, são inúmeros os procedimentos, pormenores e até mesmo contratempos, que vão ditando ou não, os cumprimentos dos prazos que se estabelecem em cada começo e recomeço, e as obras de requalificação da nossa Matriz, não são a excepção à regra.

Desde logo, e após a deteção de fissuras no piso e em algumas paredes do edifício, a necessidade de intervenção tornou-se eminente e inadiável; como é do conhecimento geral, foi desse objectivo comum de angariação de fundos, que nasceu o movimento “ EU SOU MATRIZ” na nossa paróquia, entretanto interrompido lamentavelmente pela pandemia COVID19.

Atentos às diversas condicionantes do edifício, nomeadamente em termos de património arquitectónico histórico e potencial arqueológico, os procedimentos alinhados e tidos como prioritários no que concerne todo o projecto e respetivo licenciamento, tiveram de ser gradualmente ajustados e legalmente acautelados junto das respetivas entidades competentes, nomeadamente junto da DGPC –Direção Geral de Património e Cultura e da Autarquia – Câmara Municipal de Santarém. O projecto de requalificação da Igreja Matriz deverá ser executado em duas etapas, tendo-se focado de forma prioritária em realizar numa primeira fase:

o levantamento e recolocação dos painéis de azulejos interiores;

a estabilização das fundações de todo o perímetro sul;

a substituição integral da cobertura, lavagem, limpeza e tratamento de todas as pedras e cantarias;

a impermeabilização e drenagem subterrânea e superficial do adro da igreja;

a recuperação de toda a estrutura do guarda-vento, do coro e seu pavimento;

Após várias demandas inerentes, interrupções e atrasos, nomeadamente por parte da DGPC cuja autorização final para as escavações apenas foi recepcionada no dia 04 de Janeiro de 2022, a comissão de obras faz agora um ponto de situação quanto aos trabalhos já realizados, e outros em curso;

executado o levantamento dos painéis de azulejos interiores;

executadas todas das sondagens e escavações arqueológicas interiores e exteriores;

em curso está, a limpeza-lavagem interior e exterior das pedras e cantarias;

o reforço das fundações do edifício encontra-se em curso, prevendo-se a sua conclusão em cerca de dois meses, a par com a substituição da cobertura da igreja, até ao final do próximo mês de março;

Proceder-se-á posteriormente, a todos os trabalhos de recolocação dos azulejos, pinturas, instalação eléctrica e ainda outros arranjos de menor porte, bem como à reabilitação do adro, jardinagem e embelezamento de toda a envolvente exterior do edifício.

Decorre neste momento um diálogo com a Autarquia – Câmara Municipal de Santarém e Junta de Freguesia de Alcanede, para que em parceria se possa integrar a obra do adro, no projeto de requalificação das vias de acesso à Igreja, Castelo e Campus Escolar da Vila de Alcanede. Desenvolvendo, assim, o projeto de uma pequena praça frente à Igreja paroquial.

Se bem sabemos que esta é uma obra de todos e para todos, que os paroquianos se envolveram de forma única e exemplar num movimento solidário sem precedentes, de donativos em géneros e espécie, também sabemos que nesse abraço de generosidade, se incluíram igualmente mecenas, Baldios, várias empresas e instituições da nossa freguesia, e que neste momento muitas delas continuam disponíveis aguardando apenas da parte da comissão de obras, a indicação da hora certa para cumprirem os compromissos assumidos para o apoio deste projeto. Recentemente, foi tornado público o contributo do Município de Santarém de 50.000 euros, assim como a isenção das taxas de licenciamento da obra. O nosso agradecimento!

Se a sorte proteger os audazes e os generosos, contamos reabrir a nossa Igreja Matriz no decurso do 2o semestre de 2022. Assim será com a graça de Deus.

Alcanede, 02 de fevereiro de 2022

Dia de Nossa Senhora da Purificação, padroeira da paróquia.

O Pároco:

Pe António Vicente

Pela Comissão de Obras

Eng. Paulo Virtudes



Artigos Relacionados

Covid-19: USF Foral Novo retoma algumas consultas presenciais a partir de 4 de Maio

Portal Alcanede

“Mal Tratadas” voltam à estrada dia 6 de Maio de 2018

Paulo Coelho

Festas em honra de Nossa Senhora dos Prazeres animam Espinheira

Carlos Coelho