11.7 C
Alcanede
Quinta-feira ,22 Fevereiro, 2024
AlcanedeSociedade

Freguesia de Alcanede parcialmente infestada com praga que ataca gravemente os citrinos

A praga vulgarmente designada por “psila-africana-dos-citrinos”, que foi detetada no concelho de Santarém, está a atingir parcialmente a freguesia de Alcanede. O inseto Trioza Erytreae Del Guercio ataca principalmente as plantas de laranjeira, limoeiro, tangerineira, limeira e toranjeira, sendo este causador de uma das mais graves doenças que afeta os citrinos.

Confirmada a presença da praga no concelho, a Autoridade Fitossanitária Nacional – Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV), estabeleceu um conjunto de medidas de proteção fitossanitárias para evitar a dispersão da mesma pelo território nacional, entre as quais uma zona tampão e uma zona demarcada.

Em comunicado, a autarquia de Santarém apela aos proprietários de plantas de citrinos mencionadas que comuniquem as suspeitas de infestação aos Serviços de Inspeção Fitossanitária da Direção Regional de Agricultura e Pescas de Lisboa e Vale do Tejo através do telefone: 243 377 500 ou email: prospeccao@draplvt.gov.pt

Além de Alcanede, as autoridades indicam que a infestação está a atingir, em particular, as zonas de Póvoa da Isenta, Vale de Santarém e da cidade de Santarém (Marvila, Santa Iria da Ribeira, São Salvador e São Nicolau), e parcialmente Alcanhões, Almoster, Moçarria, Gançaria, Achete, Azoia de Baixo e Póvoa de Santarém, Casével e Vaqueiros, Romeira e Várzea, São Vicente do Paul e Vale de Figueira, e parte da freguesia de Alcanede, no entanto sem especificarem, em concreto, as respetivas zonas.

A informação divulgada na quarta-feira, 19 de janeiro de 2022, indica ainda que todos os proprietários, usufrutuários, possuidores, detentores ou rendeiros de qualquer parcela de prédio rústico ou urbano, incluindo logradouros onde se encontrem plantas de laranjeira, limoeiro, tangerineira, limeira e toranjeira bem como, Fortunella, Poncirus e seus híbridos, Casimiroa, Clausena, Choisya, Murraya, Vepris e Zanthoxylum, afetados pela praga, ficam obrigados ao cumprimento de várias medidas de proteção fitossanitária.

Artigos Relacionados

Covid-19: Concelho de Santarém já regista 11 casos positivos

Portal Alcanede

“Tribo Jovem” organiza este sábado arraial de São João em Alcanede

Portal Alcanede

Festejos em Vale do Carro de volta em 2013

Paulo Coelho