23.5 C
Alcanede
Quarta-feira ,17 Agosto, 2022
Sociedade

Melhoramentos para a Casa do Povo de Aldeia de Além motivam convívio de angariação de fundos

Os órgãos sociais da Associação Cultural e Recreativa de Aldeia de Além vão promover, no próximo dia 11 de Novembro de 2018, um convívio de angariação de fundos. A necessidade de implementar melhoramentos na Casa do Povo local leva assim a direção da coletividade a apelar aos habitantes e amigos de Aldeia de Além a comparecerem.

Numa carta enviada ao Portal de Alcanede, os órgãos diretivos recordam que a iniciativa, já realizada em anos anteriores, visa promover um almoço “para angariação de verba monetária com o único objetivo de realizar melhoramentos na CASA do POVO” proporcionando, em simultâneo, “um convívio sadio e acolhedor entre todos”.

O evento decorrerá na associação, a partir das 13 horas, e terá o valor mínimo de participação de 12€ (adultos) e 7€ para as crianças entre os 7 e os 12 Anos, sendo gratuito para todos de idade inferior.

Os organizadores consideram um “privilégio” poderem contar com a presença de todos os que se “quiserem juntar à família global da Aldeia de Além”, salientando que, “além deste valor simbólico, todo e qualquer contributo adicional será muito bem-vindo”, garantindo que todos os que apoiarem, não se arrependerão “… da forma como a Associação o aplicará em benefício do nosso ícone e baluarte, a CASA do POVO que é de Todos Nós”, citámos.

As inscrições podem ser feitas, até ao próximo dia 9 de Novembro, através dos seguintes contactos: Jaime Silva (916 276 025); Paulo Braz (913 483 394); Pedro Silva (916 228 732); Hélder Bento (917 142 424) ou Fernando Lopes (966 362 415).

A Associação Cultural e Recreativa de Aldeia de Além conta com o seu apoio neste convívio de angariação de fundos.

Artigos Relacionados

Bombeiros de Alcanede vão receber da CMS subsídio extra de 30 mil euros

Portal Alcanede

Vespinhas do Castelo de Alcanede inauguraram nova sede

Paulo Coelho

Alcanede recebe sessão de esclarecimento sobre Certificação Florestal

Paulo Coelho