24.4 C
Alcanede
Sexta-feira ,12 Abril, 2024
Artigos de Opinião

Opinião de José Castela – A 80Km do esquecimento…

O Secretário de Estado da Cultura apresentou recentemente o Festival Grande Orquestra de Verão que, de 14 de junho a 30 de setembro, promoverá 21 concertos, com seis orquestras, em 16 distritos. Este projeto será liderado pelo Maestro Victorino d’Almeida, que, segundo ele, é “o início de uma nova era em termos musicais em Portugal”. Nas palavras do Exmo. Sec. De Estado, este programa pretende apresentar “registos diferentes, da [Sinfonia n.º] 40 de Mozart a Shostakovich, para alargar público”, dizendo também que este festival representa o princípio da “educação para a arte” em Portugal, especificamente na divulgação da Música Sinfónica. 

Para os mais atentos, terá sido surpresa constatar que estes 21 concertos decorrerão em apenas 16 distritos do nosso país, e com certeza que terão pensado “Será que o nosso Distrito é um dos 16?”. Pois bem, de facto, estamos a 80Km do esquecimento. Santarém não fará parte da “nova era” musical do nosso País. Este Festival irá passar por palcos muito “distantes” como Tróia e Setúbal, ou Mafra e Amadora, mas não irá “educar” os Distritos de Santarém e Vila Real.

“Esta é uma geração de ouro dos músicos portugueses”, sublinhou o maestro e compositor, tendo salientado a “excelente qualidade” dos instrumentistas portugueses, pena que se tenha esquecido que o Distrito de Santarém é, foi, e sempre será, dos Distritos com mais e melhores músicos no nosso País.

Continuem a “educar” nesse clima de imposturice, que nós vamos levando música, SEM APOIOS, aos sítios que vocês esquecem, ou que simplesmente não vos convêm…

 

Artigos Relacionados

25 da Abril em Alcanede

Portal Alcanede

As potencialidades da Serra do Alecrim

Portal Alcanede

Vandalismo no Castelo Parte III

Portal Alcanede